“Não aprofundes teu tédio.
Não te entregues à mágoa vã.
O próprio tempo é o bom remédio: bebe a delícia da manhã”.

Manuel Bandeira (1886/1968) Poeta brasileiro

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP