ISSN: 2595-8410 Contato: (11) 3043-4171

Astronauta assumirá Ciência e Tecnologia

O tenente-coronel da reserva da Aeronáutica e primeiro astronauta brasileiro, Marcos Pontes, aceitou o convite do presidente eleito, Jair Bolsonaro, e assumirá o Ministério da Ciência e Tecnologia do novo governo.

“Comunico que o tenente-coronel e astronauta Marcos Pontes, engenheiro formado no ITA, será indicado para o Ministério da Ciência e Tecnologia. É o quarto ministro confirmado!”, escreveu Jair Bolsonaro ontem (31), em seu perfil no Twitter.
“Queremos aproximar a tecnologia do dia a dia das pessoas. Vemos tecnologia em todos os lugares e podemos usá-la para melhorar a situação da seca do Nordeste, por exemplo”, declarou Marcos Pontes que é de Bauru, no interior de São Paulo e tem 55 anos. Em 1981, iniciou sua carreira militar na FAB e ainda se formou em engenharia pelo ITA.
Em 1998, ingressou na Agência Espacial Brasileira (AEB) e foi escolhido para representar o país na Nasa. Pontes foi enviado pelo governo brasileiro à estação espacial internacional em 2006, em missão de dez dias que custou R$ 10 milhões ao governo federal e foi realizada em parceria com a Rússia. Após regressar da viagem, o militar foi transferido para a reserva e passou a dedicar-se a palestras, livros, publicidade e a uma fundação que leva seu nome, estimulando jovens que tenham interesse nas carreiras ligadas à ciência e tecnologia (ANSA).

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP

Contato: (11) 3043-4171