Google está completando 20 anos

É o motor de busca mais popular, lançou o sistema operacional mais usado no mundo e está se aprofundando na Inteligência Artificial.

Google temproario

A sociedade Google inc. foi fundada em 4 de setembro de 1998. Foto: Euronews

A multinacional norte-americana de Mountain View, Google, celebrou 20 anos da sua fundação ontem (4). O grande início foi em 1995. Larry Page e Sergey Brin, doutorandos na Universidade de Stanford, na Califórnia, iniciaram um projeto de pesquisa voltado à compreensão dos modelos matemáticos e da estruta de links na web.

Então, o domínio google.com foi registrado em 15 de setembro de 1997 e a sociedade Google inc. foi finalmente fundada em 4 de setembro de 1998. Entretanto, a empresa celebra, na verdade, o seu próprio aniversário em 27 de setembro, dia em que o motor de busca superou o recorde de conteúdos indexados. O nome da empresa é inspirado no termo googol, que se refere ao número formado por 1 e 100 zeros (dez elevado a cem).

O Google se tornou tão famoso que deu origem ao neologismo "to google" (dar um google), que significa fazer uma pesquisa na internet. Mas o raio de ação se alargou para ainda mais setores: desde a gestão de anúncios publicitários, aos programas para navegar online, como o Chrome, ao sistema operacional para dispositivos móveis, Android, que beira os 2 bilhões de usuários.

Por outro lado, recentemente a Comissão Europeia infligiu à sociedade uma multa de 4,3 bilhões de euros, a mais alta imposta a uma empresa. Esse valor é equivalente a 5% do rendimento médio diário da Alphabet, empresa holding que controla o Google. A punição se deu graças a um abuso de posição dominante do Android.

Entre os projetos mais ambiciosos da empresa, estão o Google Glass, óculos inteligentes hoje destinados a usos profissionais, e os carros autônomos, que se dirigem sozinhos. Mas com os progressos tecnológicos, apareceram também as polêmicas. A última foi sobre um suposto acordo com a Mastercard para obtenção de dados pessoais dos usuários (negado pelas duas companhias).

Além disso, três ex-funcionários acusaram a empresa de discriminar as mulheres no pagamento de salários. O Google também ficou sob holofotes pelo caso Russiagate. O jornal norte-americano Washington Post revelou que a Rússia teria usado o YouTube e o Gmail para interferir nas eleições americanas de 2016, difundindo notícias falsas ou que não eram precisas.

Na semana passada, ainda, Trump acusou o motor de buscas de manipular suas ferramentas de pesquisa. O mandatário disse que o Google está reprimindo as vozes dos conservadores e escondendo boas informações. A empresa se defendeu dizendo que não há preconceito com nenhuma ideologia política, e a administração Trump tem considerado se o Google deveria ser regulado pelo governo.

A cada ano, milhares de bilhões de buscas são feitas no Google, e a maioria parte de dispositivos móveis. Cerca de 15% das pesquisas diárias são inéditas. Esses foram os dados divulgados pela empresa ontem, a fim de celebrar seus 20 anos no mercado (ANSA).

Ministro pede restrição a estrangeiros no futebol italiano

Ministro temproario

Matteo Salvini concordou com posicionamento do técnico da Azzurra, Roberto Mancini. Foto:  ANSA

O ministro do Interior da Itália, Matteo Salvini, defendeu ontem (4) a ideia de impor um limite ao número de jogadores estrangeiros na Série A. A declaração foi dada após o técnico da Azzurra, Roberto Mancini, ter criticado a falta de atletas italianos nos times da principal divisão do "país da bota".

"Estou feliz que importantes expoentes do mundo do futebol me deem razão. É preciso ter um limite ao número de jogadores estrangeiros em campo, para se poder dar espaço a tantos jovens italianos que acabam sacrificados", disse Salvini. O ministro é torcedor do Milan, que entrou em campo na última rodada, contra a Roma, com quatro estrangeiros no time titular, além de dois ítalo-argentinos, Mateo Musacchio e Lucas Biglia.

Já o clube giallorosso tinha apenas um "nativo" entre seus 11 iniciais, o capitão Daniele De Rossi. O futebol italiano possui normas para a contratação de estrangeiros, mas as regras não valem para jogadores nascidos na União Europeia (ANSA).

França cria loteria para salvar patrimônio histórico

O governo do presidente da França, Emmanuel Macron, lançou uma loteria cujo valor arrecadado será totalmente destinado ao restauro de patrimônios históricos do país. A medida objetiva arrecadar entre 15 e 20 milhões de euros e consiste na venda de raspadinhas, que têm a imagem de alguns dos monumentos que precisam de reparos.

As raspadinhas são vendidas através da empresa pública de loterias, La Française des Jeux, pelo valor de 15 euros, com prêmios de até 1,5 milhão de euros. Além disso, serão comercializados bilhetes por 3 euros, que poderão pagar 13 milhões de euros no próximo dia 14 de setembro, e outros com prêmios menores.

Segundo o governo, os 10% geralmente destinados aos cofres do Estado serão revertidos para a Fundação do Patrimônio para dar andamento ao projeto. No total, há 270 locais em estado de deterioração no país. Pelo menos 18 monumentos serão apoiados como prioridade (ANSA).

Patagônia registra passagem de mais de 1,6 mil baleias

Patagonia temproario

As baleias são uma das principais atrações turísticas do sul da Argentina. Foto: Internet/Revista Host

Mais de 1,6 mil baleias foram detectadas durante o último fim de semana na Península Valdés, em Chubut, na Argentina. De acordo com o jornal "Clarín", a identificação foi feita pelo Centro Nacional da Patagônia (Cenpap), que já localizara pouco mais de mil baleias passando pelas águas da região há menos de um mês.

Segundo a Cenpap, essa foi a maior quantidade de baleias que já passou pela área desde 1999, ano em que teve início a contagem. O biólogo Mariano Coscarella afirmou que é "impressionante" a quantidade de recém-nascidos que passaram pela península, dos quais 17 eram filhotes de baleia-branca. Além disso, Coscarella revelou que, das 1,6 mil baleias registradas, 720 são filhotes acompanhados das mães.

As baleias são uma das principais atrações turísticas do sul da Argentina. Entre maio e dezembro, cerca de 100 mil pessoas viajam até Valdés para observá-las passando pela Patagônia (ANSA).

Talibã anuncia a morte de fundador da Rede Haqqani

O fundador da rede terrorista Haqqani, Jalaluddin Haqqani, morreu na última segunda-feira (3) aos 71 anos, por sofrer de uma "grave doença", segundo anúncio do grupo terrorista afegão Talibã ontem (4). A organização, que já foi aliada dos Estados Unidos na década de 1980, está paralisada há 10 anos e é comandada desde 2011 por um dos 12 filhos do líder, Sirajuddin Haqqani, que também é membro do Talibã.

Durante o governo de Ronald Reagan (1981-1989), os Estados Unidos apoiaram o grupo na luta para expulsar tropas soviéticas no Afeganistão. No final da década, Moscou negociou a saída do país, o que desmantelou o governo comunista no país e abriu espaço para o grupo jihadista "mujahideen" assumir o poder. A Rede Haqqanni se aliou ao Talibã em 1996 para expulsar as tropas mujahideen, em um confronto que causou destruição em Cabul, a capital afegã.

Desde então, as duas organizações passaram a combater tropas da Otan e da ONU até que, em 2012, os Estados Unidos passaram a considerar o grupo uma organização terrorista. Haqqani era amigo do fundador da Al Qaeda, Osama Bin Laden, morto em 2011. O saudita chegou a buscar refúgio nos acampamentos do grupo no Paquistão. Um dos ataques mais recentes da organização aconteceu em maio de 2017, quando um caminhão-bomba explodiu em Cabul e provocou a morte de 150 pessoas.

Nascido na província afegã de Paktia, Haqqani pertencia à tribo Jadran e viveu na região do Wasitristão, no Paquistão, a maior parte de sua vida. O líder terrorista sofria de mal de Parkinson e por isso teve de passar o comando da organização para seu filho em 2011 (ANSA).

Mais artigos...

  1. Geral 04/09/2018
  2. Geral 01 a 03/09/2018
  3. Geral 31/08/2018
  4. Geral 30/08/2018
  5. Geral 29/08/2018
  6. Geral 28/08/2018
  7. Geral 25 a 27/08/2018
  8. Geral 24/08/2018
  9. Geral 23/08/2018
  10. Geral 22/08/2018
  11. Geral 21/08/2018
  12. Geral 18 a 20/08/2018
  13. Geral 17/08/2018
  14. Geral 16/08/2018
  15. Geral 15/08/2018
  16. Geral 14/08/2018
  17. Geral 11 a 13/08/2018
  18. Geral 10/08/2018
  19. Geral 09/08/2018
  20. Geral 08/08/2018
  21. Geral 07/08/2018
  22. Geral 04 a 06/08/2018
  23. Geral 03/08/2018
  24. Geral 02/08/2018
  25. Geral 01/08/2018
  26. Geral 31/07/2018
  27. Geral 28 a 30/07/2018
  28. Geral 27/07/2018
  29. Geral 26/07/2018
  30. Geral 25/07/2018
  31. Geral 24/07/2018
  32. Geral 21 a 23/07/2018
  33. Geral 20/07/2018
  34. Geral 19/07/2018
  35. Geral 18/07/2018
  36. Geral 17/07/2018
  37. Geral 14 a 16/07/2018
  38. Geral 13/07/2018
  39. Geral 12/07/2018
  40. Geral 11/07/2018
  41. Geral 07 a 10/07/2018
  42. Geral 06/07/2018
  43. Geral 05/07/2018
  44. Geral 04/07/2018
  45. Geral 03/07/2018
  46. Geral 30/06 a 02/07/2018
  47. Geral 29/06/2018
  48. Geral 28/06/2018
  49. Geral 27/06/2018
  50. Geral 26/06/2018
  51. Geral 23 a 25/06/2018
  52. Geral 22/06/2018
  53. Geral 21/06/2018
  54. Geral 20/06/2018
  55. Geral 19/06/2018
  56. Geral 16 a 18/06/2018
  57. Economia 15/06/2018
  58. Geral 14/06/2018
  59. Geral 13/06/2018
  60. Geral 12/06/2018
  61. Geral 09 a 11/06/2018
  62. Geral 08/06/2018
  63. Geral 07/06/2018
  64. Geral 06/06/2018
  65. Geral 05/06/2018
  66. Geral 31/05 a 04/06/2018
  67. Geral 30/05/2018
  68. Geral 29/05/2018
  69. Geral 26 a 28/05/2018
  70. Geral 25/05/2018
  71. Geral 24/05/2018
  72. Geral 23/05/2018
  73. Geral 22/05/2018
  74. Geral 19 a 21/05/2018
  75. Geral 18/05/2018
  76. Geral 17/05/2018
  77. Geral 16/05/2018
  78. Geral 15/05/2018
  79. Geral 12 a 14/05/2018
  80. Geral 11/05/2018
  81. Geral 10/05/2018
  82. Geral 09/05/2018
  83. Geral 08/05/2018
  84. Geral 05 a 07/05/2018
  85. Geral 04/05/2018
  86. Geral 03/05/2018
  87. Geral 28/04 a 02/05/2018
  88. Geral 27/04/2018
  89. Geral 26/04/2018
  90. Geral 25/04/2018
  91. Geral 24/04/2018
  92. Geral 21 a 23/04/2018
  93. Geral 20/04/2018
  94. Geral 19/04/2018
  95. Geral 18/04/2018
  96. Geral 17/04/2018
  97. Geral 14 a 16/04/2018
  98. Geral 13/04/2018
  99. Geral 12/04/2018
  100. Geral 11/04/2018

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP