ISSN: 2595-8410 Contato: (11) 3043-4171

Exposição “Esperança”

A exposição “Esperança” tem a participação de 25 convidados, entre jornalistas, arquitetos e designers de interiores. Serão exibidos 24 presépios de diferentes origens, procedências, épocas, materiais e estilos, montados a partir de peças do acervo do museu

Presépio Japonês | Século XX | Procedência: Tóquio – Japão

A proposta curatorial envolve o olhar para o futuro, representado pela esperança, exibindo objetos desta arte religiosa que perdura por séculos e que simboliza o nascimento de Jesus. Ao unir convidados com diferentes crenças, histórias e tradições, um traço de extrema delicadeza permeia a mostra “Esperança”, recriando essas informações emotivas em presépios que podem ser considerados verdadeiras obras de arte. Em exibição, peças de nacionalidades e épocas distintas, feitos a partir de diferentes materiais como argila, madeira, papel, tecido, barro cozido, aniagem e outros. A mostra é o resultado de um esforço coletivo, onde cada convidado abre seu coração e representa uma história universal do nascimento de Jesus. Nesta nova mostra de presépios do MAS/SP, cada convidado foi solicitado a descrever, através de palavras, sensações que carregassem o significado desta palavra tão condizente com a data natalícia, e com nossos anseios humanos - ‘esperança’. Convidados: Adriana Bianchi, Ana Maria Vieira Santos, Arnaldo Danemberg, Artur de Andrade, Beth Santos, Cecilia Neves, Cecilia Tomanik, Deny Barbosa, Eliana Sanches, Eva Bichucher, Helena Pacheco Fernandes, Helô Botelho Caparica, Juliana Vasconcellos, Lavinia Aires, Luciana Gianella, Luciano Dalla Marta, Maria di Pace, Maximiliano Crovato, Olivia Vianna, Paula de Lima Azevedo, Rita Valladares, Sofia Souza Aranha, Suzana Schermann, Tuza Cury e Ugo di Pace.

Serviço: Museu de Arte Sacra de São Paulo, Av. Tiradentes, 676, Luz, tel. 3326-5393. De terça a domingo das 9 às 17h. Ingresso: R$ 6. Até 06/01.

REFLEXÃO

Medo da dor
Não há despertar de consciências sem dor. As pessoas farão de tudo, chegando aos limites do absurdo para evitar enfrentar a sua própria alma. Ninguém se torna iluminado por imaginar figuras de luz, mas sim por tornar consciente a escuridão.
Jung

Arte

artes temproario

A exposição “Antes e Depois da Imagem – Um Olhar Sobre a Abstração Geométrica no Acervo Houssein Jarouche”, é composta por 24 obras de Ann Hamilton, Ed Ruscha, Frank Stella, Iran do Espírito Santo, Ivan Serpa, Judith Lauand, Luiz Zerbini, Max Bill, Rodrigo Torre. A mostra sinaliza um olhar histórico que ultrapassa o movimento pop art, do qual é composta a maior parte do acervo do galerista, dando destaque à produção de caráter construtivo e abstrato-geométrico. Tendo surgido após o auge do expressionismo abstrato, a pop art utiliza a sociedade de consumo do pós-guerra como crítica e, por vezes, ironia.
Período: 1º de dezembro de 2017 a 27 de janeiro de 2018

Serviço: Galeria Houssein Jarouche, R. Estados Unidos, 2.205 Jardim América, tel. 3061-0690 . Terça a sexta, das 10 às 19h e aos sábados das 10 às 17h. Entrada franca. Até 27/01.

Porquinhos divertidos

Neste divertido musical, Peppa Pig e sua família irão viver várias aventuras, fazer um piquenique delicioso e educativo cheio de brincadeiras em família entre outras historinhas. Peppa Pig, Mamãe Pig, Papai Pig, o irmão caçula George Pig, Suzy e Sr Zebra carteiro passarão mensagens importantes sobre amor, paz, conhecimento e educação. Todos irão cantar e dançar várias músicas conhecidas de todas as crianças na peça Pig Pig’s Brincando e Cantando. E assim, com muita música, danças, cenas mágicas e um lindo cenário com o carrinho e a casinha da família Pig a criançada e os papais irão curtir bastante todo o espetáculo e encartar-se com os porquinhos mais amados de todos.

Serviço: Teatro BTC Metrô Alto do Ipiranga, R. Santa Cruz, 2105, Saúde. Domingos às 14h. Ingressos: R$ 50 e R$ 25 (meia).

Serial Funkers

Divulgação

A banda Serial Funkers, que toca soul music, funk americano e o balanço brasileiro reúne o vocalista Regis e seus companheiros Luciano, Herbert e Luguta. No show, a Serial Funkers apresenta o repertório de seu primeiro álbum, “Porque Funk É Coisa Séria”, com canções como “A Batida do Coração”, “Quero Falar de Amor” e “Samba pra Juju”.

Serviço: Bourbon Street, R. dos Chanés, 127, Moema, tel. 5095-6100. Sábado (30) às 23h59. Ingresso: R$ 75.

Comédia

Pinga fogo, com cenas organizadas em quatro capítulos, ilustra a história de personagens criados sob a regência do signo fogo. Frente a oportunidades e mudanças, as nuances do espetáculo levam a reflexões do singelo ao obscuro, da palavra à ação. Com uma composição forte, a apresentação é capaz de retratar vidas e expor o amargo das relações humanas.

Serviço: Sesi Vila das Mercês, R. Júlio Felipe Guedes, 138, Jardim Botucatu, tel. 2946-8172. Quartas e sextas às 20h. Entrada franca. Até 27/12.

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP

Contato: (11) 3043-4171