Contato: (11) 3043-4171

Dança indiana

Estreiou dia 16 o espetáculo “Bollywood Clown - Pompeia Empowering Party!”, dirigido pelo ator e produtor Thiago Amaral (Cia. Hiato) e com supervisão da performance pela pesquisadora Cristiane Paoli Quito

“Bollywood Clown - Pompeia Empowering Party!”.

O espetáculo traz em sua essência a dança indiana moderna e a comicidade própria dos clowns. O termo Bollywood é uma junção de Bombaim (conhecida também como Mumbai, a cidade mais importante da Índia) e Hollywood. Assim, um time de 14 palhaços compõem uma performance musical unindo esses universos, com o objetivo de realizar uma grande cerimônia, em um formato festa–celebração; um evento festivo e divertido, com participação de todos, independentemente de idade, gênero e religião, em que todas as artes podem se encontrar, unindo música, dança, circo, teatro e cinema.
O público acompanhará uma espécie de programa de auditório, guiada e orientada pelo mestre de cerimônia Thiago Amaral e pela personagem VJ Marina Person e, espontaneamente, será convidado a se dividir em grupos, liderados pelos clowns performers.Dentre estes, estão cantores, acrobatas e dançarinos de modalidades diversas que remetem a múltiplas etnias, fazendo com que surpresas aconteçam, como dança coreana, árabe, judaica, maracatu, manifestos, dança indiana, vogue dance, entre outros.

Serviço: Sesc Pompeia, R. Clélia, 93. Terças às 20h. Entrada franca. Até 06/02.

REFLEXÃO

Somos seres de luz
Não existe nenhum instrumento capaz de produzir escuridão. Ela é simplesmente a ausência de luz. Um sinal de que algo está faltando. Ou uma névoa que está impedindo uma visão mais clara da situação. Mas a luz para iluminar o caminho está bem próxima: dentro de nós. Somos seres de luz. Quando conseguimos acender a percepção das nossas qualidades, todo o cenário se transforma. A vida adquire novas nuances. A alma humana se inunda de beleza.
Brahma Kumaris

“Fala Sério, Gente!”

Cena da peça “Fala Sério, Gente!”.

Sucesso de público e crítica, espetáculo teen “Fala Sério, Gente!”, reestreia com texto de Thalita Rebouças, direção de Jarbas Homem de Mello e produção de Claudia Raia e Kananda Raia. Fala sério que Malu vai voltar aos palcos?! É mais uma chance de o público conferir os dilemas de adolescência da personagem e se identificar. Afinal, são muitas questões para resolver com pouca idade e hormônios à flor da pele: o primeiro beijo, o primeiro amor, os melhores amigos para sempre, a sala de aula e aquela prova de química que ninguém estudou. Será que já está na hora de começar a namorar? Por que a minha mãe insiste em me tratar como criança? Como agir em um encontro com o crush? A fórmula do espetáculo, já aprovada pelo público, continua a mesma: os dramas e conquistas adolescentes são retratados em formato de crônica, de forma leve, musical e com muito humor. Malu já é grande conhecida do público: ela é a protagonista da série de livros de Thalita, que são best sellers infanto-juvenis, e também está na telona na adaptação de “Fala Sério, Mãe!”, sucesso de bilheteria. Onze jovens atores levam o público por uma jornada de alegrias e tristezas dessa fase, que é tão emblemática. Com Artur Volpi, Caio Menk, Camila Brandrão, Gabriela Camisotti, Giovanna Rangel, Isabela Quadros, Juliana Moulin, Júlia Ritondaro, Rhener Freitas, Robson Lima e Thiago Franzé.

Serviço: Teatro das Artes (Shopping Eldorado), Av. Rebouças, 3970, Pinheiros, tel. 3034-0075. Sábados e domingos às 18h. Ingresso: R$ 70. Até 25/02.

“O Porteiro”

Alexandre Lino

A comédia “O Porteiro”, monólogo de Alexandre Lino, prorroga temporada até dia 11 de fevereiro. Com direção de Paulo Fontenelle, que também assina o texto, montagem concorre ao Prêmio do Humor 2017, idealizado por Fábio Porchat, como melhor ator para Alexandre Lino ao prestar uma grande homenagem a todos os porteiros brasileiros por contar histórias reais desses profissionais. Com muito humor nordestino, texto foi montado a partir de histórias coletadas em entrevistas a vários porteiros nordestinos que deixaram sua cidade natal em busca da realização de seus sonhos no Rio de Janeiro ou São Paulo. Pode-se dizer que “O Porteiro” não é uma peça comum, é uma experiência interativa em que os espectadores são convidados a participar de um grande e divertido encontro de condôminos. A plateia são os moradores desse edifício. Na história, diante o não comparecimento do síndico a uma reunião de condomínio onde Waldisney trabalha, o porteiro assume o controle da situação.

Serviço: Teatro Jardim Sul, Av. Giovanni Gronchi, 5819 – tel. 2122-4087. Sábados às 21h e aos domingos às 19h. Ingressos: R$ 60 e R$ 30 (meia). Até 11/02.

Chopin

Nathalia Timberg e a pianista Clara Sverner apresentarão o espetáculo “Chopin ou o Tormento do Ideal”. Montagem associa música e poesia, estreia dia 02/02. Partindo de recortes textuais da vida de Chopin, cartas de George Sand entrelaçadas com declarações e poemas de Musset, Liszt, Baudelaire, Gérard de Nerval e Saint-Pol-Roux, neste encontro de música e palavras, 20 anos da vida e obra do compositor, criando uma possível subjetividade acerca de sua biografia com objetividade e a poética do seu contexto histórico. O texto e música marcam os acontecimentos e apresentam uma personagem dividida entre um cotidiano vivido, às vezes, dolorosamente e um ideal inatingível.

Serviço: Teatro Porto Seguro, Al. Barão de Piracicaba, 740, Campos Elíseos, tel. 3226-7300. Sextas às 21h e sábados e domingos às 19h. Ingressos: R$ 80 e R$ 50. Até 18/02.

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP

Contato: (11) 3043-4171