Reestreia

O clássico de Mel Brooks e Thomas Meehan, lançado em 1968 Os Produtores ganhou vida pelas mãos do ator, diretor e produtor Miguel Falabella

reestreia temproario

Para a remontagem da versão brasileira em comemoração dos 10 anos de sua estreia em palcos tupiniquins, o musical volta com estrelas de mesma grandeza e terá em cena, além do próprio, Danielle Winits e o humorista e apresentador Marco Luque. A superprodução volta repaginada em 2018, com mais de 16 cenários, mais de 350 peças de figurino, 60 perucas, uma orquestra de 11 músicos, equipe técnica e de produção de 100 pessoas e um grande elenco de 25 atores. Na história a primavera de 1959 em Nova York. O produtor Max Bialystock (Miguel Falabella) amarga seu último fracasso no teatro quando chega, em seu escritório, um contador tímido e um tanto nervoso, Leo Bloom, para revisar a contabilidade. Sem querer, Leo descobre que um produtor pode ganhar mais dinheiro com um fracasso do que com um sucesso. A dupla então se dedica a encontrar a pior obra jamais escrita, conseguir o mais desastroso diretor de teatro e produzir o maior fracasso da história. A eles junta-se Ulla, uma dançarina sueca que conquista seu espaço com algum talento e belas pernas. No entanto, nem tudo sai como planejado: a obra resulta num estrondoso sucesso, o golpe é descoberto e ambos são presos. Mas o que parece o fim acaba virando um novo começo. Após saírem da prisão, Max e Leo voltam à Broadway com o musical “Prisioneiros do Amor”. Desta vez, porém, a ideia é fazer sucesso e a peça é um recomeço para os dois.

Serviço: Teatro Procópio Ferreira, R. Augusta, 2.823, Jardins. Quintas e sextas, às 21h, sábados, às 17h e 21h e aos domingos, às 15h30. Ingressos: De R$ 50 a R$ 250.

REFLEXÃO

SABEDORIA DOS ANJOS canalizada por Sharon Taphorn.

O MOMENTO É AGORA.
A Grande Sacerdotisa do Tempo veio a nós hoje com uma mensagem de que o momento de agir é agora, o momento de agir chegou. Um novo mundo está surgindo e agora é hora de você avançar em seus contratos, encontrando um caminho melhor. É o momento para sua criatividade se elevar, seu gênio se revelar, sua atitude ser expressa, sua vocação pessoal ou magia fluir.
O tempo do agora está aqui e traz com ele um tempo de rápida transformação, de clareza de pensamento e os pensamentos podem se manifestar na realidade rapidamente.Este é um tempo fantástico para estar vivo enquanto mudamos entre os mundos da consciência. Você está preparado ou não estaria aqui para avançar e influenciar esta nova realidade com o poder de sua luz. Não espere outro batimento cardíaco para esta nova realidade.
Pensamento para hoje: É o momento de acolher um novo padrão de excelência e torná-lo seu credo, pois estamos em um novo tempo da profecia e você é poderoso, de fato!
E assim é.Você é muito amado e apoiado, sempre. Os Anjos e Guias
Regina Drumond

Tragicomédia

Tragicomedia temproario

Inspirado no universo do dramaturgo Nelson Rodrigues (1912-1980) e no movimento expressionista o espetáculo Diga que Você já me Esqueceu apresenta temas comuns à obra de Nelson Rodrigues. As cenas com forte presença expressionista na luz, figurino e encenação, os personagens lidam com situações em que devem explorar suas motivações, fantasias, desejos secretos e a autopunição.
Durante a apresentação o público passeia, dentro de um contexto artístico com capacidade total de catarse, por sensações provocadas intencionalmente pelos atores o que torna possível motivar, podar, punir, seduzir, fantasiar, chocar e fazer refletir. A peça repousa sobre a palavra, trabalhada dramaticamente e resulta em uma poesia e a fragilidade que se funde com o poético. Para dar um ar mais expressionista, diversas cenas foram inspiradas em obras de arte. Com, Ana Clara Rotta, Daniel Morozetti, Carol Hubner, Juan Manuel Tellategui, Larissa Ferrara, Marjorie Gerardi, Nalin Junior e Pablo Diego Garcia, dão vida aos personagens da obra de Rosseto.

Serviço: Teatro Viradalata, R. Apinajés 1387, Sumaré. Sábado, às 21h30 e domingos, às 19h. Ingresso: R$ 60.

 

Nota

Iniciando as comemorações de seus 30 anos de atividades, o Grupo Dragão7 de Teatro participa do Ciclo de Teatro Luso-Brasileiro 2018 de Arcos de Valdevez, no norte de Portugal, no dia 22 de abril (às 16h), com o espetáculo Auto da Barca do Inferno. Oficinas de teatro para atores locais também estão na programação, nos dias 17 e 18, além de apresentações do espetáculo infantil Pés na Estrada em escolas da cidade, nos dias 18 e 19. (http://casadasartes-arcosdevaldevez.blogspot.com.br/)

Música Cubana

Neste show dançante especialmente para o público da terceira idade, o grupo Cuba Cuarteto, formado por Fernando Ferrer (voz), Pepe Cisneros (piano), Eduardo Espasande (percussão) e Liander Lobo (baixo), apresenta sucessos e clássicos da música tradicional cubana, reinventados pela influência do jazz, em uma apresentação marcada pela riqueza e diversidade do suingue latino.

Serviço: Sesc Pompeia, R. Clelia, 93, Perdizes, tel. 3871-7700. Quarta (18), às 16h30. Entrada franca.

AFRICA

Maior exposição de arte contemporânea africana realizada no país, a Ex Africa traz à capital paulista nomes que são destaque na cena artística atual, cujas obras revelam, como nenhuma outra, a história e o novo momento do continente que, ao mesmo tempo em que tenta se reconstruir da ferida causada por séculos de tráfico negreiro e de colonização, volta a expandir as suas cores e cultura para outras fronteiras. Vinte artistas assinam as mais de 90 obras. São esculturas, fotografias, instalações, performances, pinturas e vídeos que traçam um microcosmo da África de ontem e de hoje, por meio de quatro eixos distintos: Ecos da História, Corpos e Retratos, O Drama Urbano e Explosões Musicais.

Serviço: Centro Cultural Banco do Brasil São Paulo, R. Álvares Penteado, 112, Centro, tel. 3113-3651. De quarta a segunda, das 9h às 21h. Entrada franca. Até 16/7.

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP