Livros em Revista 21 a 24/04/2017

os-que-voltaram temproario

Os que Voltaram Para Contar

Admir Serrano –Planeta – Assunto contraditório, contudo sempre em pauta: Vida depois da morte e a experiência de quase morte – EQM – O psicólogo brasileiro, radicado nos Estados Unidos, que de tão cético, acabou por especializar-se na matéria. Nessa obra, apresenta interessantes relatos de pessoas que deixaram seus corpos físicos, presenciaram fenômenos, terráqueos e “celestiais” e, retornaram para lucidamente descrevê-los. Absolutamente crível, pois, embasada em fatos, datas e circunstancialidades concretas, que além de incontestes, mantem acesa uma temática, eivada de muita curiosidade e pouca substancialidade. Pode ser lida por não seguidores, particularmente os incrédulos. Enriquecedora!

do berco ao mundo temproario

Do Berço ao Mundo

Maria Irene Tanaka e Walkyria Dell’Aquila Ribeiro - Edicon – No firme propósito de levar aos infantes, a importância dos rios e portanto de mantê-los livres de impurezas, as preocupadas pedagogas, criaram uma estória, bastante singela, todavia, com bastante efeito. Um peixinho é convidado por uma nascente a percorrer uma maravilhosa viagem. Os dois atairus descobrirão veios, foz, afluentes e demais segmentos que envolvem a trajetória de um rio até o mar. Deve ser lido para e por todas as crianças. Adultos também irão aprender muito. Esclarecedor.

aberracoes temproarioAberrações Selvagens: Geração I – Ato I: Gênesis

Felipe Salazar – Multifoco – Num universo animal, quatro espécies conviviam: caninos; felinos, roedores e répteis. Detalhes e desvios sociais, quebraram a corrente de boa convivência. Quem os lideraria? De que forma? Um banal entrevero, ocorrido numa boate, fez eclodir uma situação incontrolável. Quem era culpado? Iniciou-se um “jogo “ de intrigas, num bastidor miserável, para os humanos, muito conhecido. Oportuna e Interessante metáfora!!


historias temproarioHistórias de Viagem

Rafael Magro – Autografia - São relatos de ao menos seis anos de viagens, ao redor do mundo. Em formato de curtas crônicas, num linguajar bem empático, o leitor poderá vivenciar, em cada página, agruras, dissabores, bem como momentos e paisagens deliciosas. O autor, realizou o sonho de muitos seres viventes: Largou tudo e saiu pelo mundo. Um “irresponsável” ato de coragem. Gostoso!

Mais Lidas